31 de dez de 2012

Entre os hatches Chevrolet Onix é o melhor em custo/benefício de reparação no caso de colisões, diz CESVI Brasil.

Onix - Por enquanto é o melhor custo/benefício para recuperar em caso de colisões.
O CESVI Brasil publicou mais uma rodada de testes de impacto envolvendo carros nacionais, o recém chegado Chevrolet Onix alcançou a melhor performance entre os hatches no caso de recuperação após uma batida. O teste de impacto consiste em literalmente bater o carro na parte dianteira e traseira para avaliar o nível de recuperação/substituição das peças e seus preços envolvendo também mão de obra.

Na última rodada de testes Chevrolet Onix e VW Fox terminaram empatados sendo os melhores hatches para recuperação após uma colisão, antes o posto era ocupado pelo Citroen C3.

Veja abaixo a avaliação do teste de impacto e o ranking de classificação, o texto foi escrito por Estevam Prado Barbosa Silva e Bruno Henrique Honorato Espindola publicado no blog Clube das Oficinas

Impacto dianteiro
No estudo CAR Group, o fator que apresenta a maior ponderação é o custo total da reparação dianteira. E o Chevrolet Onix foi o que apresentou o menor custo, o que justifica sua estreia já na primeira posição do ranking.

Um dos fatores que mais contribuíram para isso foi a presença de uma travessa frontal com crash-box, para absorver parte da energia de impacto em colisões de baixa velocidade. Um destaque do Onix é que a travessa frontal é fornecida separadamente dos crash-boxes das laterais direita e esquerda. No crash-test feito pelo CESVI, o veículo sofreu danos que exigiram a substituição da travessa e do crash-box do lado esquerdo. Mas, como as peças vêm separadas, o crash-box do lado direito foi preservado – o que reduz o custo do reparo.

A travessa também permitiu que diversas peças estruturais fossem reparadas apenas com o processo de estiramento a frio, sem necessidade de uma substituição parcial.

E tem mais: a montadora oferece um kit de reposição para a fixação do radiador. Como apenas um ponto de fixação foi danificado no teste, o restante do kit foi preservado – mais um atenuante para o custo do reparo.

Impacto traseiro
Já na traseira, os resultados foram diferentes. Sem uma travessa com crash-box para amenizar o impacto, peças estruturais foram atingidas no impacto: longarina traseira, painel traseiro, alojamento da lanterna, lateral, assoalho do porta-malas e assoalho do assento do banco traseiro.

Apesar da longarina traseira do lado direito ter sido atingida, foi possível repará-la com o estiramento a frio – não precisou de substituição parcial. Porém o painel traseiro teve de ser substituído parcialmente, o que elevou o custo da reparação traseira, não apenas pelo valor da peça, mais também pela mão de obra agregada ao serviço.

Ainda assim, nem a quantidade de peças atingidas na traseira, nem o custo de mão de obra tiraram a primeira posição do Onix no ranking CAR Group.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...